Autorresponsabilidade



4 agosto, 2020
Autoconhecimento

Por que não nos comprometemos com as coisas que sabemos que vão nos fazer melhorar? Por que não introduzimos rotinas de auto cuidado em nosso dia-a-dia? Por que falamos aos quatro cantos que queremos melhorar, mas não movemos um dedo para que isso aconteça?

Adquirimos muitos conhecimentos, mas temos pouca sabedoria para aplicá-los na nossa vida. Seria falta de amor próprio? Ou uma crença limitante de que fazer algo para si é egoísmo? Seria uma sensação de não merecimento? Ou será que queremos que a solução de nossos problemas esteja sempre nas mãos de outra pessoa?

Ando refletindo muito sobre a autorresponsabilidade. É muito mais fácil responsabilizarmos o outro quando algo não sai como planejamos. O que nos falta hoje? Falta consciência.

Gary Douglas, fundador da “Access Consciousness” diz que “consciência é a habilidade de estar presente em sua vida a cada momento, sem julgamento sobre você ou outra pessoa”.

Por isso, criticamos, julgamos e culpamos os outros das nossas frustrações. E essa polaridade nos impede de ver as coisas como realmente são.

Quando paramos de julgar o outro e nos responsabilizamos pelos nossos atos ou pelas nossas omissões, entendemos que temos responsabilidade sobre tudo o que nos acontece! Não estou falando sobre culpa. A culpa nos paralisa e nos coloca no papel de vítima. Quando reclamamos do que os outros fizeram conosco, o Universo entende que somos vítimas e, como tal, sofremos a ação dos outros. A mensagem passada é a de que não podemos fazer nada para mudar isso. Assim, o Universo nos manda mais situações que reforcem esse papel de vítima.

O problema está dentro de nós? Sim, mas felizmente a solução também está. Cabe somente a nós olharmos para dentro, com presença e consciência.

Então, vamos assumir as rédeas da nossa vida! Nós somos os protagonistas, e não devemos deixar ninguém conduzir a nossa vida com ideias e sonhos que não são nossos.

Ao invés de pensar que não podemos ser felizes enquanto determinada situação não mudar, vamos ser felizes agora mesmo, sem depender de nada. Vamos nos nutrir do que nos faz bem, nos eleva, nos deixa leves! Assim, com nossos recursos internos, vamos poder lidar com qualquer desafio externo.

A situação pode até parecer insustentável, mas quando a sustentação está dentro de nós, encontramos nosso rumo!

______________________________

ISABELA GALLO

Isabela Gallo é fonoaudióloga, Mestre Reiki, professora e terapeuta floral. Sua missão é despertar o divino nas pessoas e fazê-las aproximarem de sua verdadeira essência.

posts relacionados



Autoconhecimento
SER (MADURO) OU NÃO SER... EIS A QUEST

Você é uma pessoa madura?!? Antes de responder essa pergunta com um grande

leia mais +
Autoconhecimento
A DISTÂNCIA ENTRE O QUERER E O FAZER: O

Estava aqui refletindo sobre a distância que a maioria de nós coloca, na maior

leia mais +
Autoconhecimento
Felicidade como prática cotidiana

Terminei recentemente a leitura de um livro maravilhoso do Matthieu Ricard, cham

leia mais +

explore as categorias


bem-estar

autoconhecimento

Arte

amor
Quer saber de todas as novidades?
Assine nossa newsletter!
© 2020 Amadoria. Todos os direitos reservados.